Museu do Tropeiro comemora 14 anos de história neste fim de semana

No sábado, 08 de abril, às 12h, a Prefeitura Municipal de Itabira (PMI) promove o 14º aniversário do Museu do Tropeiro, no distrito Ipoema, em Itabira. Grupos culturais e musicais da região, além da tradicional cavalgada de Santa Bárbara a Ipoema, celebram a data.

Aliando a dificuldade financeira pela qual passa a PMI e a valorização dos artistas da região, a equipe da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Inovação e Turismo (SMDECTIT) organizou uma festa em parceria com outras secretarias e com os próprios artistas.

“Não teremos shows de cantores e bandas renomadas. Pensamos em valorizar os artistas da nossa região e, obviamente, manter a chama da celebração acesa, mesmo em tempos de dificuldades econômicas, igual a que estamos passando”, explicou José Don Carlos Alves Santos, secretário municipal da SMDECTIT.

Além disso, segundo o secretário, o 14º aniversário do museu marca o retorno do prefeito Ronaldo Lage Magalhães (PTB) ao evento. “O primeiro aniversário foi justamente no governo de Ronaldo [Magalhães] e, depois de 14 anos, voltamos a dar continuidade a essa festa. Além de tudo, a gente quer nesse processo dar muita atenção ao tropeiro”, destacou.

De acordo com informação da SMDECTIT, Ipoema conta com cerca de 600 leitos em pousadas e hospedagens que, desde meados do mês passado, estão todos reservados para o período da festa. “A expectativa de que será uma grande festa começa pelo fato de todas as vagas do distrito estarem ocupadas”, ressaltou Don Carlos.

Para o secretário, o Museu do Tropeiro é o principal agente que fomenta a economia do distrito. “Eu falo que o museu é um divisor de águas, existe uma Ipoema antes dele e uma depois e o fato de todas as pousadas estarem cheias significa geração de emprego, desenvolvimento econômico, entretenimento e turismo”.

Ainda segundo Don Carlos, o objetivo é melhorar os tradicionais eventos do local para atrair ainda mais o público. “Além de manter os eventos, a cada ano desta gestão vamos melhorá-los. Queremos, antes de tudo, que as pessoas visitem Ipoema constantemente”.

Cavalgada

A tradicional cavalgada de Santa Bárbara a Ipoema começa na sexta-feira, 07 de abril, em Santa Bárbara, na praça Matriz, às 09h, onde os cavaleiros se concentram para abertura oficial do evento e benção. Em seguida, partem rumo ao Rancho Coyote, em Barão de Cocais. Às 16h30, os cavaleiros fazem travessia na rodovia BR-381, em frente ao posto Campo Alegre, com destino a Bom Jesus do Amparo, onde pernoitam até sábado.

Às 10h30, essa comitiva se concentra na região do Bamba e outro grupo de cavaleiros se reúne, no mesmo horário, em Senhora do Carmo, ambos com destino ao haras Velho Oeste, região da Resina Buiu, em Ipoema. Haverá concentração, às 10 horas, em Bom Jesus do Amparo, para os cavaleiros da região que não estão nas comitivas.

Durante a concentração dos cavaleiros, das 13 às 16 horas, show com a Banda Gema, no haras Velho Oeste. Às 16h15, os cavaleiros seguem rumo ao Museu do Tropeiro e, após desfile das comitivas, solenidade de abertura com o prefeito Ronaldo Magalhães, outras autoridades e benção aos cavaleiros pelo padre Francisco Guerra.

Programação

A partir das 19 horas, na praça Augusto Guerra, em frente à Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, apresentações artísticas dos grupos Estaladores de Chicote, Sons da Tropa, Lavadeiras e Drummonzinhos. Em seguida, shows com a dupla Pollyana e Ralph, o músico Bruno Bhaia e Rock Sanfoneiro. As atividades encerram à meia-noite.

SERVIÇO

14º Aniversário do Museu do Tropeiro
Apresentações artísticas com os grupos Estaladores de Chicote, Sons da Tropa, Lavadeiras e Drummonzinhos. Em seguida, shows com a dupla Pollyana e Ralph, o músico Bruno Bhaia e Rock Sanfoneiro.
Data e horário: sábado, 08 de abril, às 19h
Local: praça Augusto Guerra, Ipoema, Itabira, Minas Gerais
Ingressos: Gratuito

LEIA MAIS

Comentários