Na Argentina, o itabirano Samuel Dreyfus é ouro no Taekwondo

Foi com emoção que o atleta Samuel Dreyfus conquistou a medalha de ouro no Argentina’s Open Taekwondo Championships, disputado no último final de semana na cidade de Costa do Salgueiro, na Argentina. Na final, o itabirano enfrentou o argentino Pablo Fernandes e só conseguiu assegurar a vitória faltando poucos segundos para o fim da luta. Um duelo emocionante e com direito a virada no final.

taekwondo_samuel_02Samuel Dreyfus disputou o campeonato pela categoria adulto, faixa preta e até 63 kg. Para chegar até a final, o atleta teve que encarar duas outras lutas. Na primeira conseguiu uma vitória bastante expressiva: 15 a 0. Um grande início de competição. Já no segundo duelo, o placar foi mais apertado, mas o itabirano conseguiu superar o seu adversário por 4 a 2.

Mas as emoções ficaram reservadas para a última luta. Samuel Dreyfus e Pablo Fernandes protagonizaram um confronto com diversas mudanças no placar. Quando a luta se aproximava do fim, o argentino vencia o combate por 16 a 15. Mas o atleta itabirano, que é filho do mestre Martinho Francisco, partiu pra cima nos 10 segundos finais e pressionou o seu adversário, que colocou os dois pés fora da área – o que resultou em punição e empatou a luta.

Porém, ainda era necessário um ponto para que Samuel Dreyfus garantisse a medalha de ouro. E ele veio faltando três segundos para o fim do combate. O itabirano conseguiu acertar um chute em seu adversário e, com isso, somar o pontinho que faltava. O placar foi encerrado em 17 a 16. Uma virada emocionante que garantiu a Samuel Dreyfus o lugar mais alto do pódio.

“Foram lutas muito difíceis. Esse é o campeonato mais organizado da América Latina e conta com muitos lutadores bons. O Samuel já tinha participado de campeonatos internacionais, mas disputados no Brasil, em São Paulo. Essa foi a primeira vez em que ele viaja e vence uma competição fora do país. E isso é muito importante”, destaca Martinho Francisco.

A vitória na Argentina tem uma importância pessoal para Samuel Dreyfus, que é portador de um déficit auditivo, mas optou por disputar o campeonato na categoria normal. Além disso, o atleta se coloca no mesmo nível de outros esportistas que vem disputando o Taekwondo em alto nível.

taekwondo_samuel_03“Primeiro tem a importância pessoal, pois na hora da luta não adianta o técnico gritar para o Samuel. É só ele e o adversário. Então isso aumenta a autoestima e a força de vontade. Em segundo porque o Samuel mostrou que está no mesmo nível que os atletas mais esforçados”, ressalta Martinho Francisco.

Esse é mais um resultado que mostra a evolução do Taekwondo em Itabira, que já vem obtendo importantes resultados no cenário mineiro, e agora começa a despontar em outras localidades. “O Taekwondo em Itabira vem mantendo o seu nível sem perder a sua essência e a sua história. É a continuidade do trabalho, é a manutenção dos atletas na seleção mineira e todo o ano o Taekwondo itabirano consegue se destacar”, analisa Martinho Francisco.

Seleção Brasileira
Após o resultado no Argentina’s Open Taekwondo Championship’s, Samuel Dreyfus irá se preparar para disputar a Copa Brasil, que acontece nos dias 11, 12 e 13 de dezembro em João Pessoa, na Paraíba. Ele será o único representante de Itabira nas seletivas que podem render uma vaga na Seleção Brasileira de Taekwondo.

Itabira poderia contar com outro atleta na busca por uma vaga na seleção brasileira, mas João Pedro de Paulo se contundiu e não tem condições de participar da disputa. O lutador ficou três meses parado devido uma lesão na mão e, por isso, não terá tempo hábil para recuperar o condicionamento físico para disputar a seletiva. A expectativa é de que João Paulo tente uma vaga no início de 2016.

Comentários

A profissão é jornalista. A diversão é um livro. Mas também pode ser um filme ou uma série. O esporte é futebol - desde que acompanhado do sofá da sala. O universo digital exerce grande interesse. Não dispensa uma xícara de café ou um copinho de cerveja.