Você sabia que o Google criou um acervo digital do Museu Nacional?

Uma das notícias mais tristes de 2018 foi o incêndio que destruiu quase 93% do acervo do Museu Nacional, no Rio de Janeiro. Felizmente, o que pouca gente sabia era que antes disso, o projeto Arts & Culture, do Google, já havia digitalizado as peças e o espaço físico do palácio em 2016.

Isso mesmo! Graças à experiência oferecida pelo Google, mesmo que a maior parte dos mais de 20 milhões de itens do museu ter sido consumida pelo fogo, é possível rever como como a instituição era antes do trágico episódio.

Os avanços tecnológicos usados nesse experiência podem ter sido uma das ações mais importantes para preservar, de alguma forma, esse acervo que foi perdido para sempre. Para isso, foram usadas fotografias em alta resolução, fotogrametria, escaneamento em 3D a laser e realidades virtuais e aumentadas. As imagens não substituem o que foi perdido, mas permitem rever tudo!

LEIA MAIS

 

Comentários