Tem vários brasileiros concorrendo à Palma de Ouro em Cannes

Desde o dia 14 de maio, o Festival de Cannes vem atraindo a atenção da indústria do cinema. Além do charme, o festival francês promove reencontros, estreias mundiais e entrega a Palma de Ouro aos filmes que ainda irão se destacar no cenário.

E o Brasil não ficou de fora! Alguns filmes estão na disputa pelo coração do juri liderado pelo ganhador do Oscar, Alejandro González Iñárritu. “Bacurau”, por exemplo, é um thriller dos pernambucanos Juliano Dornelles e Kleber Mendonça Filho, com Sonia Braga no elenco, que tem grandes chances de ganhar. O longa-metragem aborda uma realidade violenta do interior do Nordeste a partir do encontro de uma equipe de documentaristas com uma população que vê seu cotidiano tranquilo ser abalado com a morte de uma anciã.

barbara-colen-em-cena-de-bacurau

Ainda em concurso pela Palma de Ouro está a coprodução do cinema brasileiro com a Itália, rodado parcialmente no Rio de Janeiro, estrelado Maria Fernanda Cândido e Luciano Quirino, “O Traidor”, de Marco Bellocchio.

maria-fernanda-candido-o-traidor-marco-bellocchio

Além deles, “A Vida Invisível de Eurídice Gusmão”, dirigido pelo cearense Karim Aïnouz, produzido pelo carioca (radicado em São Paulo) Rodrigo Teixeira e contando com Fernanda Montenegro no elenco, concorre na mostra paralela “Um Certo Olhar”.

“Bacuraru” e “O Traidor” vão encarar concorrentes de peso na seleção cannoise, que será julgada pelo time de jurados chefiado por Alejandro González Iñarritu. Os rivais de maior prestígio são o diretor inglês Ken Loach, que já ganhou duas Palmas de Ouro e volta com “Sorry We Missed You” e os irmãos Luc e Jean-Pierre Dardenne, da Bélgica, com “Le Jeune Ahmed”.

Comentários