Quintal Monlevadense na galeira da Assembleia Legislativa de Minas Gerais

Imagens resultantes do registro fotográfico quase diário de miudezas captadas no quintal da própria casa e, eventualmente, em espaços públicos, desde 2012. Assim é a exposição fotográfica intitulada “Fragmento de Lugar”, que o jornalista Wir Caetano, 56 anos, de João Monlevade, vai realizar na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), em Belo Horizonte, no período de 12 a 30 de setembro. Ele foi um dos selecionados no edital para ocupação da galeria da ALMG, lançado em novembro de 2015 e cujo resultado foi publicado em fevereiro.

Sem se dedicar profissionalmente à fotografia, Wir Caetano leva para essa arte sua experiência poética, construída na literatura e na música – ele é autor dos livros “Paixões e Atrofias” (poemas, 2002) e “Morte Porca” (ficção, 2012) e letrista de canções em parceria com o músico Babilak Bah e a Banda DaPenha, ambos de BH, cidade onde o jornalista viveu por 20 anos, até 2004, quando voltou a morar em Monlevade.

04

“Fragmento de Lugar”, que será composta por 29 fotos, é uma pequena viagem por um quintal e uma ou outra via urbana. E uma longa viagem pela poesia. No mesmo período de sua realização, a galeria da ALMG irá abrigar também o trabalho fotográfico da jornalista belo-horizontina Tahiana Máximo.

Wir Caetano mantém na internet um blog onde seu trabalho fotográfico pode ser conferido.

05

SERVIÇO

Exposição fotográfica de Wir Caetano e Tahiana Máximo
Data e horário: de 05 a 23 de setembro, de segunda a sexta-feira, de 8 às 18 horas
Local:
Galeria de Arte da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (Rua Rodrigues Alves, 30, Santo Agostinho, Belo Horizonte, Tel.: (31) 2108-7826)
Ingressos: Gratuito

LEIA MAIS

Comentários