Projeto “Encontro Marcado com Sabino” incentiva alunos de Catas Altas à leitura

O Filho do escritor Fernando Sabino, Bernardo Sabino, esteve em Catas Altas, Minas Gerais, na quarta-feira, 23 de maio, para lançar o projeto “Encontro Marcado com Sabino”.

Realizado em parceria pelos Ministério da Cultura, Instituto Cenibra, Instituto Ondular e Instituto Fernando Sabino e com apoio da Prefeitura, o projeto tem como objetivo incentivar os alunos à leitura através da obra do escritor mineiro.

Durante a abertura, foram exibidos um filme baseado no conto “Galinha ao molho Pardo”, de Fernando Sabino, e um documentário sobre o escritor. “Esse projeto trará inúmeros benefícios para nossa cidade. Investir na educação é investir no futuro”, destaca o vice-prefeito Fernando Guimarães Rodrigues.

De acordo com Bernardo Sabino, durante a execução do programa, que terá duração de seis meses, os alunos irão participar de várias atividades pedagógicas, culturais e artísticas inspiradas e adaptadas no trabalho do escritor. Eles terão acesso a livros, crônicas, contos, filmes de ficção, curtas, longas metragem e documentários dirigidos por Sabino.

Além disso, uma exposição ficará aberta na Casa do Professor, onde a população poderá conhecer um pouco mais sobre Fernando Sabino por meio de vídeos, cartazes, acervo de fotos, objetos pessoais e rica cenografia, retratando momentos de sua vida.

Ao final do projeto, a exposição ganhará um reforço com a inclusão do material produzido pelos alunos em sala de aula.

Mais de 60 municípios já participaram do programa, que envolveu mais de 700 mil alunos desde sua criação em 2005. Em Minas Gerais, o projeto iniciou suas atividades em 2018 e já passou por seis cidades, contando com Catas Altas.

Buscando a sustentabilidade e continuidade do movimento de incentivo à leitura, a Secretaria de Educação recebeu ainda uma coleção de livros e filmes de autoria de Fernando Sabino ou baseados em sua obra. O termo de doação foi assinado durante o lançamento do projeto.

Fernando Sabino foi escritor, jornalista, editor e cineasta. Recebeu diversos prêmios, entre eles, o Prêmio Jabuti pelo livro “O Grande Mentecapto” e o Prêmio Machado de Assis, da Academia Brasileira de Letras.

LEIA MAIS

Comentários