Produção brasileira para Netflix, repleta de suspense, mostrará conflitos entre a fé e a ciência

Ainda não podemos detalhar muitas coisas pois a produção dessa série brasileira foi cercada de segredos para manter o clima de mistério que sua estreia exige. O que se sabe é que a Netflix investiu numa produção com ares de mistérios, folclore, lendas urbanas e suspense.

Prevista para estrear dis 28 de junho, “O Escolhido” terá seis episódios em sua primeira temporada e irá narrar a vivência de três médicos recém-chegados a um isolado um vilarejo no Mato Grosso do Sul.

No trailer que foi divulgado na última semana, dá para ver Lucia (Paloma Bernardi), Damião (Pedro Caetano) e Enzo (Gutto Szuster) chegando ao fictício povoado de Aguazul, no Pantanal. A missão deles por lá é vacinar as pessoas contra uma mutação do vírus da Zika. O problema é que ele encontram dificuldades com a população local: eles se negam a receber a imunização. Isso porque há um líder religioso na cidade que afirma conseguir curar as pessoas com o poder da fé.

“O Escolhido” é uma adaptação de Raphael Daccon e Carolina Munhóz, celebrados autores brasileiros, inspirada em “Niño Santo”, uma série mexicana de 2011, criada e escrita por Pedro Peirano e Mauricio Katz. Os mexicanos se basearam na ideia original de Pablo Cruz.

Confira o trailer e se prepare para a estreia!

LEIA MAIS

Comentários