Praça do Pará volta a ser palco para festa de Natal

Para uma geração de itabiranos a tradição do Natal é mais do que trocar presentes e cear com a família. Durante anos a praça Dr. Nelson Lima Guimarães, ou simplesmente pracinha do Pará, era o local escolhido para estender a noite de festa e, ali, se reunir com os amigos, trocar uma prosa e “escutar um som”. Diversos fatores colocaram fim a essa tradição e afastaram o tradicional ponto das comemorações de final de ano.

Este ano a pracinha do Pará foi revitalizada e reaberta para o público. Agora, o Coletivo Cultural Altamente, com apoio da Amapará, vem trabalhando para revitalizar também as tradições locais. Está agendado para acontecer na madrugada do dia 25 de dezembro, às 00h30, o Pará Jam Sessions, que pretende trazer frescor para o espaço, reunir pessoas e compartilhar música.

“Praça é lugar de encontro. A pracinha do Pará tem tradição de grandes encontros, não só dos moradores do bairro, mas de todos os cantos da cidade. A região tem muitos artistas, muitos músicos e apreciadores. Queremos rever amigos aproveitando a ocasião do Natal. Queremos ouvir música diferente”, explica Fernando Sampaio, um dos integrantes do Coletivo Altamente.

Ao menos quatro atrações musicais já confirmaram participação nessa Jam Session: o cantor Karlo, os DJs Juninho Ibituruna e Raulzito e Germes. “É uma confraternização, feita por vários amigos do Coletivo Altamente, músicos, vizinhos, com apoio da Amapará. O público é quem dirá o que será. Esperamos que as pessoas contribuam com a iniciativa, que ajudem a conservar a pracinha, tenham o carinho que temos com aquele espaço, que foi recentemente reformado. A pracinha revive”, destaca Fernando Sampaio.

Mas para que o evento aconteça de maneira sustentável e com a estrutura necessária para alegrar a noite do itabirano, está sendo proposto um modelo de gestão participativa na produção. Para viabilizar banheiros químicos, tenda, som e um cachê simbólico para os artistas, os organizadores do evento estão “passando um chapéu” e recolhendo contribuições.

“Não objetivamos lucro, estamos propondo um financiamento coletivo. Quem quiser contribuir é só acessar o Sympla. Passaremos o chapéu para apoio na hora do encontro também. É muito importante que a ideia seja bem recebida pelas pessoas daqui. Com a internet há vários meios de se financiar essas iniciativas. Se der certo, outras várias podem surgir”, ressalta Fernando Sampaio.

Quem quiser contribuir com a realização do Pará Jam Sessions é só acessar o Sympla clicando aqui ou procurando o Coletivo Altamente durante a festa.

SERVIÇO
Pará Jam Sessions
Local: Praça Dr. Nelson Lima Guimarães, Pará
Data: 25 de dezembro
Horário: 00h30

Comentários

A profissão é jornalista. A diversão é um livro. Mas também pode ser um filme ou uma série. O esporte é futebol - desde que acompanhado do sofá da sala. O universo digital exerce grande interesse. Não dispensa uma xícara de café ou um copinho de cerveja.