Peças sacras restauradas da Capela de Santa Quitéria são entregues à comunidade em Catas Altas

Doze peças sacras tombadas do século XVIII foram entregues à comunidade de Catas Altas, em Minas Gerais, depois de passarem por um completo processo de restauração

A cerimônia de entrega aconteceu durante as festividades em homenagem à Santa Quitéria, no dia 22 de maio. Após a solenidade, fiéis e autoridades seguiram em procissão até a capela de Santa Quitéria, onde as peças foram colocadas em seus devidos lugares. Uma missa também foi celebrada no local.

“É um momento muito importante, pois estamos valorizando a cultura e a religiosidade de nossa cidade. A mineração vai acabar, mas estamos criando alternativas de fontes de renda para a população. E a preservação do nossos patrimônio contribui para o crescimento do turismo que, hoje, é um forte pilar econômico em todo o mundo”, destacou o prefeito de Catas Altas, José Alves Parreira.

Objetos restaurados

Entre as peças que foram devolvidas estão cinco imaginárias (imagens de Santa Quitéria, Nossa Senhora do Carmo, São Luis Gonzaga, São Francisco Bórgia e Crucifixo), seis objetos de iluminação (castiçais) e um material de ritual (pia de água benta).

A restauração foi realizada em 2018 e começo de 2019 no consistório da igreja Matriz, onde foi montado um ateliê que ficou aberto à visitação durante todo o trabalho.

F02

O projeto pioneiro, aprovado pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha/MG), fez parte da primeira etapa do processo de restauração dos bens móveis do município.

As obras desta fase custaram cerca de R$ 208 mil. Os recursos foram oriundos do Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM).

Ao todo, a restauração dos bens móveis do município está sendo realizada em quatro etapas. Além da Santa Quitéria, serão contempladas a capela de Nosso Senhor do Bonfim e as igrejas de Nossa Senhora do Rosário e Matriz de Nossa Senhora da Conceição.

Capela de Santa Quitéria

Localizada no alto da colina, a Capela de Santa Quitéria é datada do século XVIII. Foi construída em 1728 pelo Senhor Paulo de Araújo de Aguiar (possivelmente o proprietário do terreno) com ajuda dos devotos da comunidade. Em um documento de registro de casamento em 1734, a Capela aparece pela primeira vez nos livros de Cúria Arquidiocesana de Mariana.

LEIA MAIS

Comentários