Laz Muniz, colunista do Trem das Gerais, ministra curso de aquarela

O cartunista, quadrinista, ilustrador e artista gráfico Laz Muniz irá ministrar no Estúdio Black Ink, em Belo Horizonte, o “Curso de Aquarela”, arte na qual vem dedicando os seus estudos. As aulas serão divididas em dois módulos – um de introdução e outro mais avançado – de 75 horas cada. As vagas, porém, são limitadas a oito e o único pré-requisito exigido é que o aluno tenha mais de 14 anos.

A aquarela, durante muito tempo, foi vista com certo preconceito por parte da classe artística. Durante a Era Vitoriana (1837-1901), chegou a ser classificada como “arte de madame”, mas, depois, passou a ser mais explorada por se tratar de uma das técnicas de pintura mais complexas. Hoje é bastante difundida e utilizada nos diversos meios artísticos. Essa dificuldade, inerente à própria técnica, é dos assuntos a ser discutidos por Laz Muniz em seu curso.

“Um dos grandes propósitos do curso é justamente acolher essas dificuldades e fazer com que o aluno possa conhecer, entender e saber manusear a aquarela e seus instrumentos de trabalho. No segundo módulo vamos trabalhar a questão mais avançada, já executando alguns trabalhos que exigirão toda a técnica que o aluno aprendeu no primeiro módulo”, explicou Laz Muniz, que também assina uma coluna semanal no Trem das Gerais.

O “Curso de Aquarela” não se propõe apenas a tratar a técnica dentro dos padrões clássicos, mas também na sua aplicação dentro do mercado gráfico em geral, o que envolve ilustrações (para a literatura, publicidade/design, revistas e jornais), quadrinhos e cartuns. E para isso é necessário aguçar os olhares e soltar a imaginação.

“Para quem está no campo das artes, aprender aquarela é sempre um desafio e uma técnica a mais e, em nossa profissão, sempre é bem vinda. Para quem trabalha com artes digitais, conhecer e aprender a manusear as tintas contribui muito para o seu manuseio técnico. Hoje se consegue imitar a aquarela em um software. Mas, para isso, é necessário saber manuseá-la de verdade, para levar para o virtual as possibilidades de seus resultados cromáticos, suas manchas, suas aguadas, sua forma”, destaca Laz Muniz.

Antes, em março, o artista gráfico ministrará uma oficina de aquarela em Itabira. As aulas também serão introdutórias para o “Curso de Aquarela”, que trata do tema de maneira mais abrangente. As informações sobre essa oficina serão divulgadas ainda nesta semana pela página oficial do Laz Muniz no Facebook.

SERVIÇO
Curso de Aquarela
Módulo I: 08/04/2016 a 08/07/2016
Módulo II: 15/08/2016 a 11/11/2016
Vagas: 08
Valores: R$ 1.080 (por módulo)
Local: Estúdio Black Ink (Rua dos Goitacazes, 375, loja 06, Centro, Belo Horizonte)
Outras informações: pelo telefone (31) 2534-1005, pelo e-mail contato@blackink.com.br ou clicando aqui.

Comentários

A profissão é jornalista. A diversão é um livro. Mas também pode ser um filme ou uma série. O esporte é futebol - desde que acompanhado do sofá da sala. O universo digital exerce grande interesse. Não dispensa uma xícara de café ou um copinho de cerveja.