Jeferson Gouveia, François Muleka e Nath Rodrigues se apresentam na II Mostra IMUNE

A II Mostra IMuNe – Instante da Música Negra recebe os shows de Jeferson Gouveia (MG), François Muleka (SC) e Nath Rodrigues (MG) no Suricato – um quintal musical localizada na capital mineira Belo Horizonte. As apresentações acontecem na sexta-feira, 13 de outubro, às 19h, e a entrada custa R$ 12.

A mostra IMuNe – Instante da Música Negra é um coletivo idealizado pela compositora Bia Nogueira e, atualmente, formado por Bia, a itabirana Maíra Baldaia, Natália Avelar, Guilherme Ventura, Raphael Sales e Rodrigo Negão. A IMuNe se desenvolve como uma plataforma de fomento, produção e divulgação da música produzida por pessoas negras.

A primeira ação do IMuNe aconteceu em dezembro de 2016 com o lançamento de discos, vídeo clipes e shows dos artistas que integram o coletivo, de lá pra cá o grupo já realizou em 2017 uma mostra em São Paulo, na Aparelha Luzia, promovendo um encontro entre artistas mineiros e artistas residentes na capital paulista, além de realizar mensalmente em Belo Horizonte a II Mostra IMuNe, que acontece entre os meses de março e novembro deste ano no espaço Suricato com shows de artistas negras e negros, contemplando uma variedade de estilos e formatos.

Conheça os artista desta edição:

Jeferson Gouveia é natural de Belo Horizonte, Minas Gerais, e tem influências da música negra, indo do Jazz ao samba, e canção popular, trafegando pelo inconsciente coletivo do cotidiano e corações do seu povo. Jeferson traz alma no que faz e comunicação direta com o cerne do ser através da canção popular.

04

Já François Muleka, natural de São Paulo e radicado em Florianópolis, Santa Catarina, é filho de africanos da República Democrática do Congo e faz músicas no Brasil em português e outras línguas existentes ou inventadas, para pessoas de todo o mundo. Com influências inescapáveis da música brasileira, dos hits enlatados americanos e da música tradicional africana, o compositor mistura melodias assobiáveis com um jeito percussivo de tocar violão.

02

Nath Rodrigues, por sua vez, é natural de Sabará, também Minas Gerais, e é multi-instrumentista, cantautora e atriz. Dedica seu trabalho à música brasileira instrumental e cancioneira e à pesquisa de suas relações com o corpo em cena. Integra o Coletivo Negras Autoras e o duo Pé de Amora, além de circular com seu trabalho solo autoral.

03

SERVIÇO

Jeferson Gouveia, François Muleka, Nath Rodrigues na II Mostra IMUNE
Data e horário: sexta-feira, 13 de outubro, às 19h
Local: Espaço Suricato (Rua Souza Bastos, 175, Floresta, Belo Horizonte, Minas Gerais)
Ingressos: R$ 12

LEIA MAIS

Comentários