Festival de Veneza 2019: conheça 5 lançamentos que já são grandes apostas para a temporada de prêmios de 2020

Antes da temporada de premiações do cinema, vem a temporada dos festivais. O Festival de Veneza, que esse ano acontece entre 28 de agosto a 7 de setembro, é o responsável por abrir os trabalhos. E ele continua sendo um bom termômetro para os candidatos ao Oscar em 2020.

Justamente por isso, o festival desse ano receberá estreias promissoras. Esses filmes serão exibidos para o público pela primeira vez, mas muitos deles já foram apresentados a críticos e especialistas. O Trem das Gerais listou 10 dos títulos que já receberam elogios e estão criando uma onda de expectativas.

1. Conspiração e Poder
Essa é a volta de Hirokazu Kore-eda depois do badalado “Assunto de família”. A história da reunião tumultuada de um roteirista com sua mãe atriz, tem Catherine Deneuve, Juliette Binoche e Ethan Hawke no elenco. A produção em francês e inglês promete conquistar a atenção do público. Os organizadores têm grandes esperanças, tendo admitido o filme na prestigiada abertura do festival.

2. Coringa
Joaquin Phoenix já está sendo considerado um dos indicados ao Oscar 2020 pela interpretação do icônico vilão do universo Batman. Depois de interpretações memoráveis do Coringa por Jack Nicholson e Heath Ledger, o suspense do diretor Todd Phillips explora a história do Coringa em busca de vestígios de sua psicopatia. O desempenho de Phoenix é diferenciado e meticulosamente investigado: até mesmo sua risada maníaca é inspirada por um distúrbio neurológico verdadeiro que produz ataques incontroláveis de riso e lágrimas.

3. The Laundromat 
O vazamento real de 11,4 milhões de documentos detalhando as trapaças financeiras do escritório de advocacia panamenho Mossack Fonseca é o tema do drama de Steven Soderbergh estrelado por Meryl Streep. Gary Oldman e Antonio Banderas completam o time de grandes nomes que seguram a história e o expectador.

4. Ad Astra: Rumo às estrelas
“Ad Astra” tem a vantagem de ter um elenco de primeira e uma direção estelar de James Gray. Brad Pitt é Roy McBride, um astronauta que viaja para os limites externos do sistema solar em busca de seu pai (Tommy Lee Jones), um cientista que está há muito tempo perdido e cujas experiências ameaçam a sobrevivência do planeta. A ampla cinematografia de Hoyte van Hoytema inspira uma sensação de admiração, enquanto as fortes atuações de Ruth Negga, Liv Tyler e Donald Sutherland aumentam o poder da película.

 

 

 

 

5. À espera dos bárbaros
O diretor colombiano Ciro Guerra encantou os críticos com “O Abraço da Serpente”, em 2015, e “Pássaros de Verão”, em 2018. Aogra, ele traz o mesmo lirismo em “À Espera dos Bárbaros”, uma dramatização do romance de JM Coetzee com o mesmo nome. Johnny Depp é um burocrata enviado para reprimir uma revolta em uma cidade colonial, enquanto Mark Rylance interpreta um magistrado que questiona o imperialismo. O filme aborda a questão da imigração e da integração jogando um holofote no medo que os governos incitam na população.

LEIA MAIS

 

Comentários