Festival de pipas colore céu no Pico do Amor

Gente de toda idade se reuniu neste domingo (26) no Pico do Amor, no bairro Campestre, para soltar pipa. O evento, sob um céu azul e ensolarado, foi realizado pela Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Juventude (SMELJ). A estimativa é que 250 participantes estiveram no Pico.

O 6º Festival de Pipas premiou com troféus os 1º e 2º lugares de categorias como engenhosidade (Gerson Geraldo Mendes e José Jorge – 1º e 2º, respectivamente); manobra (Adeilton Lúcio e Samuel Felipe Alves); tamanho (Edna Mara Lopes, com a maior pipa; e Mateus Henrique, com a menor); e idade (João Vitor Oliveira, mais novo; e Milton Lindenberg, veterano). Venceu o destaque geral o pipeiro Alexandro Fernandes.

Houve também sorteio de brindes, música, barraquinhas, oficina de confecção de pipas e outras atividades.

Festival de Pipas (2)

“O festival reúne dos mais novos aos mais maduros. Há pessoas resgatando a infância e uma criançada, mais acostumada com eletrônicos, que hoje confecciona sua pipa, se envolve mais com os pais, irmãos, colegas. É uma festa bonita”, comentou o titular da SMELJ, José Gonçalves Moreira.

Destaque entre os mais experientes na brincadeira, Milton Lindenberg, 61, diz ser apaixonado pelas pipas, papagaios ou arraias desde a infância. “Eu as faço sempre e todo ano procuro um festival para participar. É algo saudável e cabeça da gente é outra. Você fica mais à vontade, sem estresse. É só alegria”, disse o lubrificador, da região do Caminho Novo.

Festival de Pipas (4)

LEIA  MAIS

Comentários