Festival de Música será a atração deste sábado na Concha Acústica, em Itabira

A Concha Acústica será palco de um espetáculo de vozes neste sábado (31), às 15 horas. Acontecerá no espaço turístico e cultural o Festival de Música do Programa Conexão Jovem, da Prefeitura de Itabira. O palco terá quatorze apresentações de artistas infantojuvenis, com idades entre 12 e 15 anos, selecionados por escolas municipais e estaduais. O evento será aberto ao público, limitado à capacidade do local (2.269 pessoas).

Desde maio, segundo a coordenadora do programa, Lucimara de Cássia Ferreira Santos, os estudantes passam por oficinas de musicalização e técnicas vocais com o maestro contratado Marcelo Hautequeste. Ainda, em parceria com a Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA), as crianças tiveram o acompanhamento de bandas experientes para prepararem a apresentação. “Já em julho, começamos a enviar as crianças para um estúdio profissional, no bairro João XXIII”, conta a responsável.

A Secretaria Municipal de Educação (SME) convidou artistas conhecidos na cidade para o júri técnico no sábado. Eles avaliarão as performances nos critérios originalidade, figurino, presença de palco, afinação, harmonia com a banda e interpretação. Entre os nomes estão Jésus Henrique – destaque no programa global The Voice em 2014 -, Jhony France, Ana Luíza, Rosa Márcia, Túlio Torres e outros.

A programação terá também apresentações do projeto social Meninar. Os participantes interpretarão clássicos do cancioneiro nacional.

Gincana

O Festival é uma etapa da III Gincana do Conexão Jovem, que ao longo deste ano tem engajado crianças e adolescentes de 14 instituições da rede pública de ensino em competições de carrinhos de rolimã, natação, futsal, basquete, disputa de perguntas e respostas, prova de Libras (Língua Brasileira de Sinais) e mais. O encerramento da gincana está agendado para o dia 28 de setembro, no Ginásio Poliesportivo Maestro Silvério Faustino.

Conexão Jovem

O programa é desenvolvido entre as secretarias municipais de Educação (SME), Assistência Social (SMAS), Saúde (SMS), Esportes, Lazer e Juventude (Smelj) e FCCDA, e faz parte da rede de proteção à criança e ao adolescente. A agenda trabalha temas como bullying, violência de gênero, racismo, álcool e outras drogas e violações de direitos. A iniciativa foi criada na primeira gestão de Ronaldo Magalhães e reestruturada em 2017.

LEIA MAIS

Comentários