Festival de Inverno de Itabira começa no dia 1º de julho. Confira a programação completa!

A Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA) promoveu na manhã desta quinta-feira, 23 de junho, uma coletiva de imprensa para anunciar a programação oficial do 42º Festival de Inverno de Itabira. O encontro contou com a participação do superintendente em exercício Marcos Alcântara e do prefeito Damon Lázaro de Sena (PV). Ao todo serão 23 dias de eventos culturais.

Neste ano, o Festival de Inverno conta com três atrações principais que se apresentam na Praça do Areão. Na sua abertura, no dia 1º de julho, sobe ao palco a sambista Aline Calixto. Quem também integra a programação é o músico e humorista Saulo Laranjeira que, ao lado de Saldanha Rolim, se apresenta no dia 17 de julho. Já no encerramento do evento, que acontece no dia 24 de julho, é a vez dos pernambucanos do Mundo Livre S.A.

Porém, a edição de 2016 do Festival de Inverno não será centrada em apenas um local. Com o tema “E se essa rua fosse minha?”, as atrações serão distribuídas por diversos pontos de Itabira – alguns deles sendo incluídos pela primeira vez na programação do principal evento cultural da cidade. Entre esses locais estão: praças dos bairros Santa Tereza, Pará e Candidópolis; Praça Dr. Acrísio Alvarenga; Centro de Esporte e Lazer do Bairro Praia; Largo do Batistinha; entre outros.

“O Festival de Inverno não é um festival só de música ou um festival só de teatro. É um festival de artes e ele deve transitar por toda a cidade. Estamos levando eventos para lugares que nunca tiveram a oportunidade de receber o Festival e para isso estamos usando os espaços públicos”, destaca Marcos Alcântara.

Recursos

Assim como na edição do ano passado, o Festival de Inverno não contará com grandes investimentos por parte da Prefeitura Municipal de Itabira. Para custear toda a programação serão alocados aproximadamente R$ 220 mil, sendo que R$ 170 mil serão repassados pelo executivo municipal e R$ 50 mil provenientes de uma parceria com a mineradora Vale.

“Em um ano em que o mundo está em crise e as mineradoras também estão em crise, duas situações que nos afetam diretamente, nós pegamos essas crises e transformamos em oportunidade para desenvolver o Festival de Inverno. Nós buscamos ter responsabilidade com essa produção”, afirma Marcos Alcântara.

Para compor a programação deste ano, os produtores da FCCDA buscaram projetos apoiados pela Lei Federal de Incentivo à Cultura, a Lei Rouanet, para que eles pudessem trazer as suas apresentações até a cidade. Essas parcerias garantiram a participação do “Cinema BR em Movimento”, da Petrobras, e da Cia de Teatro Núcleo Dança – Dor, de Ipatinga. Outra parceria será com o Rotary Club, que fará o Festival da Cachaça dentro do festival.

Novidades

A programação deste ano conta com algumas novidades em relação aos anos anteriores. O projeto “Conexão Bar” transforma os estabelecimentos de entretenimento da cidade em parceiros do Festival de Inverno. Assim, eles ficam responsáveis por oferecerem atrações culturais de domingo a quarta-feira enquanto a FCCDA entra com apoio na produção e na divulgação dos eventos.

Até o momento quatro estabelecimentos estão confirmados no “Conexão Bar”: Bombar, Filé di Gato, Jhob’s e Spetim. Porém, se outros bares quiserem participar dessa parceria, basta se inscreverem no edital do projeto que segue aberto.

Os artistas locais também tiveram espaço dentro da programação do Festival. O projeto “Itabiranos em Cena” acontecerá em três ocasiões e terá, ao todo, a participação de 22 artistas. Outra novidade são os shows solos, que levarão quatro projetos artísticos a diferentes espaços da cidade: Igor Venal – que lançou nesta semana, junto com O Chiqueiro Elétrico, o EP “Arco Íris Preto e Branco” –, Karlo Kapo, Thiago Skp (que fará o pré-lançamento do álbum “Malabarista do Caos”) e Jésus Henrique.

“Eu dei algumas declarações sobre shows de expressão. Mas eu queria dizer que prefiro ver um show do Jésus [Henrique] do que o [Wesley] Safadão. Para mim o Jésus é um artista de expressão nacional porque ele conseguiu ser essa expressão. Pra mim, na programação, tem itabiranos de expressão nacional”, ressalta Damon de Sena.

Sucesso nas edições anteriores do Festival de Inverno, mas cancelado no ano passado, o Bar do Festival retorna para a edição 2016. Programado para acontecer nas quintas, sextas e sábados, as apresentações na Fazenda do Pontal começam no dia 02 de julho e se encerram no dia 23 de julho. Ao todo serão 10 dias de Bar do Festival com a participação de 20 artistas e bandas.

CLIQUE AQUI E ACESSE A PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO 42º FESTIVAL DE INVERNO DE ITABIRA

logo color

LEIA MAIS

Comentários

A profissão é jornalista. A diversão é um livro. Mas também pode ser um filme ou uma série. O esporte é futebol - desde que acompanhado do sofá da sala. O universo digital exerce grande interesse. Não dispensa uma xícara de café ou um copinho de cerveja.