Equilíbrio e poesia criam “Caos”, novo single do Antiprisma

O caos é subestimado. Ele destrói, e também cria; Ele escurece, e também traz luz. É na busca dessa dualidade que nasceu “Caos”, novo single do Antiprisma, que antecipa o clima do disco “Hemisférios”, com previsão de lançamento para os próximos meses. A canção contou com produção do duo, formado por Elisa Moreira e Victor José, que já lançaram as músicas “Fogo Mais Fogo” (com participação de Gabriela Deptulski, da My Magical Glowing Lens), e “Só Porque Você Não Se Encontrou”, que também fazem parte do próximo álbum.

Sucedendo o elogiado “Planos Para Esta Encarnação” (2016), o próximo disco levou pouco mais de um ano de produção, durante esse processo, as energias se tornaram refletidas nas faixas do trabalho. “Enquanto as outras duas já lançadas em 2018 indicam caminhos eletrificados, com uma banda cheia e às vezes mais agressivo do que o que a gente já lançou desde então, vemos em ‘Caos’ o oposto disso tudo. Levando essa observação pro álbum, vejo isso como uma questão de luz e sombra e de entender como equilibrar essas duas perspectivas. Essa coisa de fazer o som com duas pessoas é algo que queremos conservar também. Isso é parte crucial da nossa sonoridade, independente do que a gente for criar”, afirma Victor.

Como ecos dos trabalhos anteriores, “Caos” é uma junção de experiências. Ainda de acordo com Victor, a música adquiriu um “gosto especial ao longo da construção do disco”. Terceira faixa a ser lançada, a canção remete à franqueza entre a dupla, que aprendeu a fazer música juntos e sozinhos.

“A composição dessa música é bem equilibrada no sentido de que, pelo menos para nós, tem muito a cara e a energia dos dois. Surgiu de uma linha de violão que o Victor mostrou um dia, essa pegada bem Roy Harper ou Bert Jansch, bem ‘folkona’. A partir dela eu fiz a melodia da voz e o Victor fez a letra. A letra tem essa vibe meio misteriosa, mística talvez, que é o que essas coisas ‘folkonas’ mais remetem para nós. Diria que é uma composição mais ‘escura’, menos solar do que as nossas canções de voz e violão dos trabalhos anteriores”, explica Elisa.

A ficha técnica do single “Caos” conta com Elisa Moreira (voz), Victor José (voz, violão, baixo, synth e piano) e Filipe Consolini (mixagem e masterização). O trabalho é um lançamento Alcalina Records, selo paulista fundado em 2017 e que também traz no casting as bandas Leza, Fluhe e o cantor Simön.

Ouça “Caos”

LEIA MAIS

Comentários