Editora norte-americana lança nova antologia poética de Carlos Drummond de Andrade

Em julho deste ano, em Nova York, nos EUA, a editora Farrar, Straus and Giroux lançou a antologia poética Multitudinous Heart, de Carlos Drummond de Andrade. Traduzidos por Richard Zenith, os poemas selecionados constituem uma rica e substanciosa representação da obra drummondiana, de Alguma Poesia (1930) a Farwell (1996).

A coletânea (cujo título é a tradução de “Coração Numeroso”, um dos poemas que se encontram em Alguma Poesia) sai em edição bilíngue, na qual se podem ler versos como os de “Quadrilha”, “Cidadezinha Qualquer”, “A Máquina do Mundo”, “Confidência do Itabirano”, “Poema de sete faces” e “A flor e a náusea”. Do total de 80 poemas, 15 ainda não tinham ganhado tradução para o inglês.

O lançamento do livro mereceu resenha do jornal The New York Times, em que o jornalista Dwight Garner escreve: “Carlos Drummond de Andrade é amplamente considerado o maior poeta da história do Brasil, um país onde os poetas são levados a sério.”

Outras edições do poeta itabirano já foram lançadas nos Estados Unidos. O jornal nova-iorquino lembra haver sido Elizabeth Bishop uma das primeiras tradutoras de Drummond para o inglês, e destaca a antologia Travelling in the Family: Selected Poems, de Thomas Colchie e Mark Strand, lançada em 1986, como um livro “fino e elegante”.

A reportagem completa do The New York Times pode ser acessada no link http://migre.me/rkte5. Multitudinous Heart pode ser comprado, no Brasil, por sites de vendas como os da Amazon e da Livraria Cultura.

Comentários