Coletivo artístico recebe proposta de bandas autorais para se apresentarem em Itabira

Com o objetivo de movimentar a cena musical itabirana e garantir aos artistas autorais um espaço para apresentar os seus trabalhos, o coletivo Filhos de um Poeta Morto deu início a uma campanha para que bandas locais ou de outras cidades possam enviar as suas canções e participar dos eventos que vem promovendo na cidade.

Para participar dessa iniciativa, as bandas interessadas precisam encaminhar para o e-mail fdpmorto@gmail.com o nome do projeto musical, a relação de todos os seus integrantes e um registro, em áudio ou vídeo, de uma ou mais composições próprias. Gravações de músicas covers serão descartadas, pois as apresentações serão destinadas apenas aos artistas autorais.

As bandas ou músicos que não são baseados em Itabira também devem enviar um orçamento das despesas com transporte, ida e volta, para que o coletivo possa contribuir com o custeio das passagens. A ideia é facilitar para que os artistas de outros locais também possam participar da cena itabirana, criando um sistema de intercâmbio cultural e facilitando a troca de experiências.

Não haverá seleção técnica das propostas enviadas ao “Filhos de um Poeta Morto”. Porém, durante a organização dos eventos musicais, o coletivo poderá dividir os artistas nos shows de acordo com os seus estilos musicais, para que exista uma coerência entre os grupos que irão participar de cada apresentação.

Importante, os músicos devem ficar atentos à qualidade das gravações que serão enviadas ao coletivo. Materiais inaudíveis ou de qualidade muito baixa podem inviabilizar a participação da banda no movimento artístico. Não existe prazo para o envio das propostas e, à medida que o “Filhos de um Poeta Morto” receber os materiais, os grupos musicais serão encaixados nos eventos.

Comentários

A profissão é jornalista. A diversão é um livro. Mas também pode ser um filme ou uma série. O esporte é futebol - desde que acompanhado do sofá da sala. O universo digital exerce grande interesse. Não dispensa uma xícara de café ou um copinho de cerveja.