Circo alemão usa a tecnologia para substituir animais em seus números

O Circus Roncalli, muito conhecido na Alemanha pelos números com vivos em suas apresentações, tomaram uma decisão que é ao mesmo tempo consciente e moderna. Os animais foram substituídos por animais projetados virtualmente por meio de hologramas!

Circus-Roncalli-2

Markus Strobl, diretor de mídia da companhia circense, em entrevista a um jornal alemão, afirmou que a decisão foi tomada em benefício dos animais. Além disso, há alguns anos, “o foco do Circus Roncalli são os números acrobáticos e poéticos. Por isso, abolir o uso de animais nos espetáculos é também estratégica”, esclarece.

Desde que esse novo formato foi inserido nas apresentações, o público tem se encantado com os hologramas de elefantes, peixes e cavalos que vem dividido o picadeiro com palhaços e os artistas no trapézio. O banimento de animais em espetáculos circenses é uma tendência que deve se espalhar rapidamente pelo mundo.

Circus-Roncalli

A ONG Animal Defenders International, que defende o direito dos animais e aprova o banimento deles do mundo dos espetáculos, veio a público para informar que, em diversos locais do planeta, a exploração de animais em circos é ilegal, como na Bolívia, México, Áustria e Bélgica.

No Brasil, esse banimento já abrange 11 estados e mais de 20 cidades, mas ainda é pouco. “Esse é o futuro do circo: uma apresentação na qual o público possa desfrutar sem que seres sejam utilizados como objetos de entretenimento”, afirmou o presidente da ONG, Jan Creamer.

LEIA MAIS

 

Comentários