Anelis Assumpção e Teto Preto engrossam o coro de mulheres no festival TNT Energy Drink apresenta: No Ar Coquetel Molotov 2018

A vencedora do Prêmio Multishow de Melhor Disco e Melhor Capa, segundo o super júri neste ano, Anelis Assumpção, confirma presença nos 15 anos do festival TNT Energy Drink apresenta: No Ar Coquetel Molotov. A cantora paulistana se une a Luedji Luna, Maria Beraldo, Duda Beat, MC Troinha, Connan Mockasin, Barbagallo, Djonga, além da banda Teto Preto, também anunciada hoje no line up do evento. Liderado por Angela Carneosso, o grupo soma forças na representatividade das mulheres no festival, que é um único brasileiro a integrar a Keychange, uma iniciativa internacional pioneira que incentivo o equilíbrio de gênero na programação dos festivais.

Anelis vai levar para o No Ar a turnê do seu terceiro disco, Taurina, lançado neste ano e impossível de rotular. O álbum, além de fazer referência ao signo da cantautora, conhecido como teimoso e guloso, também traz certa comparação entre a mulher e a vaca – animal generoso que alimenta o ser humano ou endeusada, aparece como divindade em culturas orientais. Ou ainda, vaca, muitas vezes, é usado como xingamento para mulheres. Sobre a estreia no festival, ela diz: “O Coquetel Molotov é um festival super querido e respeitado, cuidadoso  na escolha dos artistas, então eu fico muito feliz com o convite e em poder levar meu Taurina pra essa terra tão querida! Vamos dar um  mergulho interior, Recife?”

Com um repertório autoral de colagens, canções e pós-canções, o Teto Preto vai instaurar uma atmosfera antropofagizante fortemente feminina e emocionante no palco do No Ar. O corpo político é desmantelado e transfigurado em fluídos, sensações e imagens. Um acordo comum quanto ao elemento espontâneo do risco. A banda estreou em 2016 com o EP Gasolina (2016) e neste ano lançou o single Bate Mais. Através de apresentações memoráveis na noite paulistana, o grupo foi ganhando espaço e hoje é um dos grandes nomes da nova safra de artistas no país. Enquanto transita pelo Techno e House, passeia pela MPB, traz notas de atabaque e também cuíca. Carneosso fala sobre o que o público pode esperar da apresentação da banda: “Em tempos nefastos, precisamos nos fortalecer. É questão de vida e morte. Precisamos de mais do que hashtags para sair das zonas de conforto que nos trouxeram até aqui. Novembro é o mês de lançamento do nosso 1o long play, ‘Pedra Preta’, construído em campo de batalha/sp. É um meteorito, uma pedra que sobrevive à incêndios. Um amuleto de luta, agonia, esperança, tesão y vontade de viver. Voltar ao Recife após quase 2 anos, é emocionante. Demarca o início de um novo ciclo que se abre com esse disco, um grito preso na garganta. Convocamos todas as manas, monas, bixas, travestis, drags y manos também para essa linha de frente: devorem-nxs! Vamos tomar p(h)oder”.

Playlists No Ar

Para 2018, o festival mantém a parceria iniciada ano passado com a Bananas Music Branding, agência gaúcha especializada em curadoria e estratégia musical, para criar playlists no Spotify, parceiro de mídia do evento. “Esse ano iremos continuar com as playlists assinadas pelos artistas do lineup, mas de uma maneira diferente. Estamos fazendo uma espécie de amigo secreto de playlists, onde um artista cria uma playlist pensando em outro artista do lineup. A Maria Beraldo irá fazer uma playlist especial para a Luedji Luna e iremos confirmar outras playlists assinadas na medida em que o lineup é divulgado”, diz Juli Baldi, uma das diretoras da Bananas.

Já a playlist No Ar Coquetel Molotov 15 anos, terá comentários nas faixas. “Estamos gravando depoimentos de pessoas que fazem parte da história do festival, a ideia é que elas relembrem histórias de shows inesquecíveis que já passaram pelo palco nesses 15 anos” diz.

Além das playlists assinadas pelos artistas e a especial 15 anos com depoimentos, terá também a No Ar 2018 Recife, para o público acompanhar a divulgação de novos nomes no lineup, bem como a Novos Sons de Pernambuco, só com artistas incríveis da cena musical de Pernambuco e, por fim, a Novos Sons do Brasil, com as novidades nacionais vindas de todas as partes do país.

Keychange

Outra novidade para 2018 é que o No Ar passou a fazer parte da Keychange, que encoraja as mulheres a transformarem o futuro da música. Assim, o TNT Energy Drink apresenta: No Ar Coquetel Molotov segue os passos do projeto e passa a fazer parte de um seleto grupo global de eventos. Entre os que fazem parte da iniciativa, estão o Bestival, Reeperbahn Festival, Iceland Airwaves, Tallinn Music Week, Glasgow Jazz Festival e Liverpool Sound City.

Vale ressaltar que o único representante da América Latina é o No Ar. “É importante que os festivais se preocupem, desde já, com a programação visando a igualdade de gênero. Estamos atentos a isso há anos e queremos estimular outros festivais a seguirem o mesmo caminho. Que a nossa entrada no Keychange leve mais eventos a participarem”, reflete Ana Garcia, diretora do festival. Em 2018, o festival estreia em solo paulistano e ainda promove edições em Belo Jardim e Belo Horizonte.

Patrocinadores

Pelo segundo ano, o No Ar tem patrocínio da Natura, por meio do Natura Musical. “Desde 2017, o programa patrocina festivais que trazem aos palcos uma diversidade de artistas e bandas capazes de amplificar debates contemporâneos. Eventos como o Festival No Ar Coquetel Molotov agregam as oportunidades de palco para os artistas e contribuem para a formação e ampliação de um público jovem para a música brasileira”, completa Fernanda Paiva, gerente de Marketing Institucional da Natura.

Outra parceria de longa data é a patrocinadora Baterias Moura, além disso, em 2018 acontece as estreias da TNT Energy Drink, que apresenta o evento, e o patrocínio do whisky Ballantines. “Patrocinar esse festival, que é um dos mais esperados pelos jovens pernambucanos, é muito significativo para o TNT Energy Drink. O ativismo, a valorização da música independente e a resistência, que estão presentes no Nordeste e no Coquetel Molotov, fortalecem nosso posicionamento de marca, por estar em consonância com a forma como dialogamos com o nosso púbico”, avalia Eliana Cassandre, Gerente de Propaganda do Grupo Petrópolis.

Em 2017, o No Ar atraiu uma média de oito mil pessoas O ativismo, a quebra de preconceitos de gênero, com a entrada gratuita de pessoas trans e o combate ao assédio feminino, também foram marcantes na edição anterior do evento, aliando o melhor da música independente com as artes e a cultura na capital pernambucana. O evento também ganhou o selo ‘Evento Neutro’, com o certificado de neutralização de carbono. Essa ação foi feita em parceria com a Eccaplan, startup de consultoria em sustentabilidade instalada na incubadora USP/IPEN – Cietec.

Classificação

O festival possui classificação indicativa de 16 anos e somente será permitida a entrada desses adolescentes, desde que estejam autorizados por escrito e com firma reconhecida pelos seus responsáveis legais. Para baixar o modelo do documento de autorização, acesse aqui.

No Ar Coquetel Molotov Belo Jardim

Apresentado pelo Instituto Conceição Moura, o Festival No Ar Coquetel Molotov também acontece no interior de Pernambuco, na cidade de Belo Jardim, entre os dias 17 e 20 de outubro. Lia de Itamaracá, Francisco El Hombre, Luna Vitrolira, Romero Ferro (Garanhuns) Agda (Santa Cruz do Capibaribe), Rasga Mortalha (Caruaru) e Jurandex (Belo Jardim) são algumas das atrações confirmadas no line up do Festival, que em sua quarta edição no Agreste de Pernambuco acontece com uma programação completamente gratuita de shows no Parque do Bambu, além de oficinas e a Mostra Play the Movie no Cine Teatro Cultura.

LEIA MAIS

Comentários