A música volta às ruas em novo evento do Lado B Pegada Som Sistema

A ideia é promover, ao menos uma vez por mês, um baile que leve às pessoas músicas com as quais não tem contato rotineiramente. Uma proposta que, por si só, representa o que chamamos de lado B. Mas a pegada alternativa se mantém na proposta de promover esses encontros na rua e de maneira gratuita – uma livre iniciativa para quem quer dançar, trocar uma prosa e se divertir.

Depois da primeira edição, que aconteceu em novembro, o coletivo Lado B Pegada Som Sistema leva a sua proposta para um segundo evento, que desta vez será realizado no Mirante Cara de Pau (Alto dos Pinheiros, Campestre), na sexta-feira, 18 de dezembro, às 21h. Os idealizadores desse movimento são o baterista e DJ Juninho Ibituruna, o jornalista e produtor Mário Brito e o empresário e produtor Paulo Henrique “Cebola”.

“Recebemos feedback positivo das pessoas que foram na primeira edição. O lugar que escolhemos para esse é muito legal, o Mirante Cara de Pau, que se encontra no Alto dos Pinheiros, talvez seja o bar com a melhor vista da cidade e lá tem aquela vibração diferente. Nada como olhar para onde estamos, para encarar a verdade e lutar por algo melhor, objetivo do Lado B, que é incentivar para uma ‘nova’ visão”, conta Paulo Henrique “Cebola”.

Esse segundo encontro terá uma programação diferente. O projeto Casa de Jah, organizado por Mário Brito e Cebola, é presença garantida, mas desta vez terá a participação de Nikito. O repertório conta com uma mistura de reggae, ska, dub e rockstead. O DJ Juninho Ibituruna novamente apresenta uma discotecagem recheada de Tropical Brasil e Afro-Beat.

Essa variação de ritmos, que sempre encontrou espaço na cultura sound system, é o ingrediente para fazer o público itabirano gastar o sapato em mais um baile. Além disso, promove o acesso a novos artistas, músicas e, assim, contribui para a diversificação cultural e estimula a ocupação dos espaços públicos com bons projetos.

Além das discotecagens, o evento contará com a estreia da iniciativa Vinil Atack, que fará o público dançar ao som dos clássicos do rock, soul, samba e MPB, que serão executados a partir das tradicionais bolachas de vinil. As vitrolas serão comandadas pelo DJ Joe e Tadeu Felipe, que vão disputar a atenção do público com a seleção dos melhores discos das suas coleções de bolachões.

“Vinil Atack é o ataque dos vinis (risadas). Uma forma que o coletivo Lado B achou de conseguir chamar atenção de quem conhece e também de quem não conhece os vinis. Durante o evento haverá interações entre os Djs e seletores apresentando seu estilo e duelando entre si com as suas “melhores pedradas”. Vão rolar altos sons novos e antigos que há muito tempo não se escutava ou jamais se escutou”, ressalta Paulo Henrique “Cebola”.

Então é hora de bailar: suba a ladeira, olhe para o horizonte, aguce os ouvidos e se agite com o som das picapes e da vitrola.

SERVIÇO
Lado B Pegada Som Sistema
Local: Mirante Cara de Pau (Alto dos Pinheiros, Campestre, (31) 98552-1534)
Data: sexta-feira, 18 de dezembro
Horário: 21h
Ingressos: Gratuito

11202622_10153141057177397_7794756795709032046_n (1)

Comentários

A profissão é jornalista. A diversão é um livro. Mas também pode ser um filme ou uma série. O esporte é futebol - desde que acompanhado do sofá da sala. O universo digital exerce grande interesse. Não dispensa uma xícara de café ou um copinho de cerveja.