35 anos da Rede Minas é comemorado com exposição no Museu Mineiro

Exposição apresenta, ao público, a trajetória da emissora e sua contribuição para o estado

A Rede Minas completa, este ano, 35 anos. A história começou nas mãos do então governador Tancredo Neves, que ousou com a criação da primeira emissora pública do estado. Criada em 14 de agosto de 1984, teve a sua primeira transmissão no dia 8 de dezembro daquele ano. Para comemorar a data, a Rede Minas apresenta a trajetória de mais de três décadas e sua relevância para o estado na exposição “Rede Minas 35 Anos: seu Lugar, seu Mundo”, com abertura oficial no dia 19 de dezembro, no Museu Mineiro, em Belo Horizonte, Minas Gerais.

Na exposição, o público confere instalações interativas, documentos e equipamentos históricos e conteúdos especialmente selecionados entre as mais de 50 mil horas que fazem parte do acervo produzido pela emissora. Entre as novidades, a Rede Minas leva para o espaço ícones da emissora que fazem parte do cotidiano dos mineiros, como os bonecos do grupo de teatro Giramundo, que são protagonistas da atração infantil Dango Balango.

A emissora pública de Minas Gerais conta com diversos programas e jornais, além da exibição de séries e especiais. Muitos desses produtos produzidos pela Rede Minas são hoje exibidos em rede nacional, na TV Cultura e na TV Brasil. O interior do estado, o Brasil e o mundo também estão na tela da Rede Minas, através de parcerias com emissoras do estado, do país e internacionais, além de canais na Internet.

A exposição “Rede Minas 35 anos: seu lugar, seu mundo” é uma realização da Rede Minas, Secretaria de Estado de Cultura e Turismo e Rádio Inconfidência, com o apoio cultural do SicoobCoopsef.

SERVIÇO

Exposição “Rede Minas 35 anos: seu lugar, seu mundo”
Abertura: 19 de dezembro, às 19h
Visitação: de 20 de dezembro a 19 de fevereiro, de terça a sexta-feira, das 10h às 19h e sábados, domingos e feriados, das 12h às 19h
Local: Museu Mineiro (Avenida João Pinheiro, 342, Lourdes — Belo Horizonte/MG)

LEIA MAIS

Comentários