19ª Semana Drummondiana acontece on-line pelo canal da FCCDA no YouTube

Devido a pandemia de Covid-19, a 19ª Semana Drummondiana, promovida pela Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA), acontecerá em formato on-line, com os conteúdos sendo publicados no canal da instituição no YouTube. O evento começa nesta quarta-feira, 28 de outubro, e se encerra no sábado, 31 — quando se comemora o nascimento de Carlos Drummond de Andrade e o Dia Nacional da Poesia.

Além da exibição de vídeos e transmissões de lives, o site da FCCDA abrigará uma página especial com conteúdos dedicados à Semana Drummondiana.

Abrindo o festival literário, às 17h, os integrantes do Programa Drummonzinhos declamam o poema “A Palavra Minas”, de Carlos Drummond de Andrade. Mais tarde, às 18h, será exibido o vídeo “Drummond e o Amor”, no qual a professora e filósofa Lúcia Helena Galvão comenta o poema drummondiano “As Sem-Razões do Amor”.

Às 19h, o chef da gastronomia social do Instituto ITI, Rodrigo Bernardi, comanda a live “Gastronomia Literária”, que presta uma homenagem ao Sítio do Pica Pau Amarelo, série de livros criado por Monteiro Lobato, ao ensinar as receitas de bolinho de chuva e cocada assada. Já às 20h, a professora e pesquisadora Delci Cristina ministra a palestra “Itabira nos Versos de Drummond: Poesia, Memória e História”.

Na quinta-feira, 29 de outubro, às 19h, será inaugurada a exposição on-line “A Mesa”, com quadros da artística plástica Yara Tupynambá e que pertencem ao acervo da FCCDA. A mostra pode ser conferida no Flickr.

Às 20h30, o músico e professor José Moura protagoniza o concerto para piano e orquestra de Mozart KV 415 Nº13.

Na sexta-feira, 30 de outubro, às 16h, Rodrigo Bernardi ministra a oficina “Biscoito Açucarado Craquelado”. A receita é inspirada no poema “País do Açúcar”, de Drummond. Já às 18h30, o professor Carlos de Cássia Silva realiza a palestra “80 Anos do Livro ‘Sentimento do Mundo’ de Carlos Drummond de Andrade”.

Mais tarde, às 19h30, o escritor e presidente da Academia Mineira de Letras (AML), Rogério Faria, ministra a palestra “A Coleção Drummondiana da Academia Mineira de Letras”, na qual falará sobre o acervo de 400 crônicas datilografadas e anotadas pelo poeta itabirano que pertence à instituição mineira.

Às 20h30, o sociólogo e ator José Nildo Monteiro protagoniza o monólogo “As (in)Purezas de Carlos”. O texto promove um trabalho cênico de humor que aborda os tipos de afetos agentes nas ações e comportamentos dos cidadãos itabiranos.

Dia D

A 19ª Semana Drummondiana se encerra no sábado, 31 de outubro, quando se comemora o nascimento de Carlos Drummond de Andrade e o Dia Nacional da Poesia. Às 15h, Douglas Henrique ministra a oficina “Quilling – Papel em Tiras”. Às 16h, Beatriz Myrrha comanda a contação de história infantil “Carlos, o Menino que Colecionava Pedras”.

Em seguida, às 17h, o professor e escritor Ricardo Pereira lança o livro “E se Você Amasse alguém que Ama outra Pessoa”, inspirado no poema “Quadrilha”, de Drummond. Para isso, o autor participa de uma live em que falará sobre literatura, influências, dentre outros assuntos.

Às 18h30, integrantes do Programa Drummonzinhos participam de um sarau poético. Já às 20h, fechando a Semana Drummondiana, acontece o show Tony Primo canta poetas itabiranos.

Tema

Em 2020, Minas Gerais completa 300 anos de emancipação política e de uma história profundamente ligada à cultura e as artes. Para celebrar a data, a FCCDA definiu “A Palavra Minas” como tema da 19ª Semana Drummondiana.

Publicado originalmente no livro “As Impurezas do Branco”, o poema “A Palavra Minas” traz o olhar de Drummond sobre o nosso estado. Dessa forma, a programação da 19ª Semana Drummondiana promove um passeio por uma Minas Gerais artística por meio da obra do escritor itabirano.

Clique aqui, acesse o canal da FCCDA no YouTube e participe da 19ª Semana Drummondiana

LEIA MAIS

Comentários