PORTUGUÊS: Um pouco mais de dicas, curiosidades e conceitos

Prezado leitor, como foi sua semana? Espero que tenha sido proveitosa. Uma rápida análise nas publicações especializadas mostra que existem vários concursos com inscrições abertas e editais veiculados. Por isso, essa semana trouxe algumas considerações sobre a forma correta e usual de escrever números. Em diversas possibilidades.

Lembre, sempre: quem se prepara, larga na frente.

Escrevo números por extenso ou não? A maioria das pessoas acha que os números de um texto formal sempre devem ser escritos por extenso. Na realidade, existem algumas diretrizes que determinam se há necessidade de se escrever o número por extenso ou se é possível escrever o algarismo.

Seguem, como material de consulta, as principais diretrizes de uso dos números em textos de Redação Empresarial.

Escreva todo número abaixo de dez por extenso:

Exemplos: As nove máquinas compradas pela empresa apresentaram problemas.

O diretor assinou os oito contratos sem ler as cláusulas com cuidado.

Exceções: unidades de medida, idade, tempo, datas, números de páginas, porcentagens, valores, proporções.

Exemplos: 2 metros, 32 anos, 8h00, 16 de novembro, Página 4, 51%, R$ 50,00.

Escreva números sempre que dois ou mais estiverem em um mesmo período:

No 4º dia do evento, 42% dos convidados não compareceram nas 50 mesas redondas agendadas.

Nunca misture número com numerais (por extenso):

Em vez de: No sexto dia do lançamento, 20% do novo produto ainda não estavam distribuídos.

Escreva: No 6º dia do lançamento, 20% do novo produto ainda não estavam distribuídos.

Escreva os grandes números na forma mais familiar ao leitor:

Pondere qual é mais familiar: 185.000.000, 1,85 x 108, 185 milhões, 185 x 106.

Use números seguidos de palavras quando os últimos cinco ou seis dígitos forem zero:

3 milhões (em vez de 3.000.000)

160 milhões (em vez de 160.000.000)

Escreva decimais e frações em números:

0,39 (e não zero vírgula trinta e nove)

¾ (e não três quartos)

Não exagere o grau de precisão: escreva números com, no máximo, duas decimais:

0,65 (e não 0,65187)

0,83 (e não 0,82798)

Se o número é uma aproximação, mencione:

Aproximadamente 13 milhões…

Cerca de 30 metros distante…

Perto de 15 litros se perderam…

Não comece uma frase com números:

Quatro quintos do território de vendas

e não

4/5 do território de vendas

ou

4 quintos do território de vendas.

Três mil e quatrocentos reais foi o custo do treinamento

e não

R$3.400,00 foi o custo do treinamento.

Só se usa a forma 02, 03, 09 em documentos de natureza legal, fiscal, jurídica ou cartorial.

Conforme escrevi na coluna semana passada, a língua é rica e múltipla de possibilidades. Atualizá-la em função das exigências do momento da comunicação é nossa tarefa e nosso desafio.

Fonte: Centro de Pesquisa, Desenvolvimento e Educação Continuada – CPDEC.

CLIQUE AQUI E LEIA OUTROS ARTIGOS DA COLUNA “PORTUGUÊS”

Comentários

Celso Charneca Leopoldino é graduado em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, pós-graduação em Marketing para Executivos e MBA em Gestão Socioambiental. Fez vários cursos nas áreas de gestão social e de gestão de comunicação estratégica. Possui mais de 35 anos de experiência em comunicação empresarial, gestão social, relações com comunidades e relações institucionais.