PORTUGUÊS: revisão sobre a utilização da língua portuguesa – Parte 7

Então, prezado leitor, continuamos nossa revisão sobre a utilização da língua portuguesa. Lembrando que erros em português, cometidos por candidatos, chegam às raias do absurdo e derrubam mesmo.

Para que você não seja derrubado nos concursos nem dê “má nota”, preste atenção às nossas dicas.

DEGRAUS ou DEGRAIS?

Primeiro vamos lembrar a regra para formar o plural de palavras terminadas em -AL, -EL, -OL, -UL. Repare bem como é fácil: basta tirar o “L” final e acrescentar IS.

Por exemplo, para o plural da palavra semanal, tiramos o L e o substituímos por IS. Aí temos semanAIS. O mesmo ocorre com a palavra anuAL: tiramos o L, substituímos por IS e temos o plural anuAIS.

Outros exemplos, agora de palavras terminadas em -EL, – OL e -UL:
DuplicávEL: no plural, duplicáveIS. SOL: sóIS. AzUL:azuIS.

Mas atenção: são poucas as palavras em português terminadas em -UL. E a palavra cônsUL, uma dessas raras, não se forma tirando o L e colocando IS. Seu plural é cônsules!

Então, qual é o plural de DEGRAU? É DEGRAUS.

Não confunda as palavras terminadas -AL (plural em -AIS) com as terminadas em -AU (plural em -AUS): Canal – canais; igual – iguais; animal – animais, atual – atuais… Grau – graus; degrau – degraus, sarau – saraus; bacalhau – bacalhaus…

O mesmo acontece com as palavras terminadas em –EL (plural em –ÉIS) e em –ÉU (plural em –ÉUS): Papel – papéis; anel – anéis; pastel – pastéis, hotel – hotéis;
Chapéu – chapéus; troféu – troféus; fogaréu – fogaréus, réu – réus…

Súteis OU sutis?

Vamos tratar da formação do plural das palavras terminadas em -IL.

Mas, para isso, é preciso prestar atenção na sílaba tônica – aquela pronunciada com mais intensidade, com mais “força” que as demais. Às vezes, a sílaba tônica é acentuada graficamente, outras vezes não.

Preste atenção nestes dois exemplos: Na palavra ÚTIL, a sílaba tônica é Ú – que, nesse caso, leva acento gráfico, pois é paroxítona terminada em “L”. Na palavra GENTIL, a sílaba tônica é -TIL. É uma palavra oxítona, pois tem a sílaba tônica na última.

Agora, vamos ao plural dessas palavras: Primeiro caso: quando a sílaba tônica é a última, isto é, a palavra é oxítona, forma-se o plural retirando-se apenas a letra L final e acrescentando-se S. Assim sendo, o plural de GENTIL é GENTIS.

Outras palavras que se enquadram nesse caso:HOSTIL – HOSTIS;CANTIL – CANTIS; ARDIL – ARDIS; FUNIL – FUNIS; BARRIL – BARRIS; BRASIL – BRASIS…

Segundo caso: quando a sílaba tônica não é a última, isto é, quando a palavra não é oxítona, forma-se o plural retirando-se a terminação -IL e acrescentando-se -EIS.

Assim, o plural de ÚTIL é ÚTEIS. e de HÁBIL é HÁBEIS,  de DIFÍCIL é DIFÍCEIS, de PROJÉTIL é PROJÉTEIS….

Até a próxima semana!

Fonte: dicas do professor Sérgio Nogueira

CLIQUE AQUI E LEIA OUTROS ARTIGOS DA COLUNA “PORTUGUÊS”

Comentários

Celso Charneca Leopoldino é graduado em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, pós-graduação em Marketing para Executivos e MBA em Gestão Socioambiental. Fez vários cursos nas áreas de gestão social e de gestão de comunicação estratégica. Possui mais de 35 anos de experiência em comunicação empresarial, gestão social, relações com comunidades e relações institucionais.