PORTUGUÊS: Crase

Prezado leitor, nessa coluna trazemos um assunto difícil, sutil, que requer muita atenção de quem quer se dar bem em provas e concursos: a crase.

Quem não caiu na tentação de colocar ou retirar crase sem o devido conhecimento? Pois é, todos nós já incorremos em erros quando o assunto é crase.

Então, e sem perder muito tempo, vamos ao assunto em questão.

Palavras femininas

A crase deve ser empregada apenas diante de palavras femininas. Essa é a regra básica para quem quer aprender mais sobre seu uso.

Caso você fique em dúvida sobre quando utilizar o acento grave, substitua a palavra feminina por uma masculina: se o “a” virar “ao”, a palavra receberá o acento grave.

Exemplo: As amigas foram à confraternização de final de ano da empresa.

Agora substitua a palavra “confraternização” pela palavra “encontro”. As amigas foram ao encontro de final de ano da empresa.

Indicação de hora

Lembre-se de utilizar a crase em expressões que indiquem hora.

Exemplos:

  • Às três horas começaremos a estudar.
  • A partida de futebol terá início às 17h.
  • Ele esteve aqui às 8h, mas foi embora porque não te encontrou.

Porém, quando as horas estiverem antecedidas das preposições “para”, “desde” e “até”, o artigo não receberá o acento indicador de crase.

Exemplos:

  • Ele decidiu ir embora, pois estava esperando desde as 10h.
  • Marcaram o encontro no restaurante para as 20h.
  • Fique tranquilo, eu estarei no trabalho até as 9h.

Tempo, lugar e modo

Utilize a crase antes de locuções adverbiais femininas que expressam ideia de tempo, lugar e modo.

Exemplos:

  • Às vezes chegamos mais cedo à escola.
  • Ele terminou a prova às pressas, pois já passava do horário.

Palavras masculinas

A crase, na maioria das vezes, não ocorre antes de palavra masculina. Isso acontece porque antes de palavra masculina não ocorre o artigo “a”, indicador do gênero feminino.

Exemplos:

O pagamento das dívidas foi feito a prazo.

Os primos foram para a fazenda andar a cavalo.

– Tempere com pimenta e sal a gosto.

– Eles viajaram a bordo de uma aeronave moderna.

– Marcos foi a pé para o escritório.

Exceção

Existe um caso em que o acento indicador de crase pode surgir antes de uma palavra masculina. Isso acontecerá quando a expressão “à moda de” estiver implícita na frase.

Exemplos:

  • Ele cantou a canção à Roberto Carlos. (Ele cantou a canção à moda de Roberto Carlos).
  • Ele fez um gol à Pele. (Ele fez um gol à moda de Pelé).
  • Ele comprou sapatos à Luís XV. (Ele comprou sapatos à moda de Luís XV).

Casos em que a crase é opcional

Antes dos pronomes possessivos femininos “minha”, “tua”, “nossa” e etc…

Nesses casos, o uso do artigo antes do pronome é opcional.

Exemplo:

  • Eu devo satisfações à minha mãe, ou, eu devo satisfações a minha mãe.

Antes de substantivos femininos próprios

Vale lembrar que, antes de nomes próprios femininos, o uso da crase é opcional, até porque o artigo antes do nome não é obrigatório.

Exemplos:

  • Carlos fez um pedido à Mariana, ou, Carlos fez um pedido a Mariana.

Se depois da preposição “até” houver uma palavra feminina que admita artigo, a crase será opcional.

Exemplo: Os amigos foram até à praça. Ou, os amigos foram até a praça.

Boa leitura!

Fonte de pesquisa: LFG Blog Acontece.

CLIQUE AQUI E LEIA OUTROS ARTIGOS DA COLUNA “PORTUGUÊS”

Comentários

Celso Charneca Leopoldino é graduado em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, pós-graduação em Marketing para Executivos e MBA em Gestão Socioambiental. Fez vários cursos nas áreas de gestão social e de gestão de comunicação estratégica. Possui mais de 35 anos de experiência em comunicação empresarial, gestão social, relações com comunidades e relações institucionais.