GASTRONOMIA: Dicas práticas para o dia-a-dia na cozinha

A vida da gente é uma eterna correria. Estamos sempre sem tempo, atrasados para algum compromisso e, se sobra tempo, também sobra cansaço. Por isso a coluna de hoje (que é feita por uma pessoa que também vive correndo) vai trazer algumas dicas e truques para facilitar e agilizar o seu dia-a-dia na cozinha.

Guarde o misto pronto no congelador

Monte os sanduíches de pão de forma, queijo e presunto, embale um a um no plástico filme e armazene no congelador. Na hora de fazer é só colocar direto na sanduicheira.

Torradas práticas

Pães de sal dormidos podem ser congelados e usados posteriormente para torradas ou farinha de pão.

Pique em cubinhos as sobras de pães, tempere com azeite, sal e temperos de sua preferência e leve ao forno. Em minutos você terá croutons para sopas e saladas que, bem armazenados, duram até uma semana

Aproveitando sobras

Rale as sobras de queijos e guarde em uma vasilha bem tampada no congelador. Você pode aproveitá-las para recheios e molhos. O mesmo vale para apresuntados e embutidos.

Polpas e cascas de tomates, restos de cebola, salsinha e cebolinha viram um saboroso molho que pode ser armazenado na geladeira por vários dias e por alguns meses no congelador. Depois é só cozinhar sua massa de preferência, descongelar o molho e você terá uma deliciosa refeição em minutos.

Cascas e sobras de legumes são ideais para caldos e sopas. Refogue e cozinhe tudo junto e passe pelo processador. Sirva com croutons, carne cozida ou frango.

Talos de verduras dão cor e sabor a massas de tortas e panquecas e também servem de complemento de recheios para omeletes e bolinhos.

Frutas muito maduras

Frutas muito maduras são ideais para bolos e compotas. Uma panela e açúcar e você terá um delicioso acompanhamento para seu lanche da tarde

Processe as frutas e congele; depois, na hora da sede, é só bater com água e se deliciar com um suco natural e refrescante.

Carnes

Ossos, cabeça e aparas dão um delicioso caldo natural, basta cozinhá-las com um mirepoix (cebola, cenoura e salsão) em fogo baixo por um bom tempo. Tem um tempo de armazenamento grande e são uma opção natural e saudável para molhos, caldos e sopas.

Legumes

Guarde em potes bem vedados alguns legumes pré-cozidos ou picados e ralados crus. Isso facilita sua vida no preparo de uma refeição como saladas, refogados e sopas. Evita também que você caia na tentação dos fast foods.

Pequenas atitudes facilitam o nosso cotidiano. Desacelere o ritmo e dedique-se um pouco à qualidade da vida que escolheu ter.

Espero que aproveitem as dicas.

Até semana que vem.

Xêro da Nêga! 😀

CLIQUE AQUI E LEIA OUTROS ARTIGOS DA COLUNA “GASTRONOMIA”

Comentários

Kamila Duarte de Jesus ou simplesmente Nêga, como é chamada pela família e pelos amigos, traz a paixão pelas panelas no DNA. Bisneta de Raimundo Cozinheiro - cozinheiro dos ingleses que vieram para Itabira junto com a Companhia Vale do Rio Doce -, aprendeu a cozinhar ainda criança quando usava um mini fogão a lenha para preparar guisados e batatas para suas bonecas. Formou-se em Publicidade e Propaganda pelo Centro Universitário Newton Paiva por ouvir de todos que era muito criativa. A paixão pela gastronomia passou de brincadeira de criança a assunto de adulto e já atuando profissionalmente na área se formou em Cozinha Profissional pelo Senac – MG em 2014. Acredita que um bom prato de sopa até cura, que doce é um carinho na alma e que cozinhar é uma maneira de demonstrar amor ao próximo.