GASTRONOMIA: Com sabor, com saúde e sem culpa

Acredito que todo mundo tem alguém na família ou um conhecido com alguma restrição alimentar por causa de problemas de saúde e comigo não é diferente. A coluna de hoje é inspirada na minha mãe, que é diabética.

Na minha família, infelizmente, há outros casos além da minha mãe, o que me fez conviver com a dificuldade que eles encontram na alimentação. Claro que há opções! Com o avanço das indústrias alimentícias, podemos ter acesso a inúmeros alimentos voltados para alimentação restritiva, seja de açúcar, sal, gordura, glúten ou lactose.

A principal alegação é de que “não é a mesma coisa da receita original” e, sim, muitas vezes não tem o mesmo sabor ou consistência, o que leva às escapadas da dieta – e não é nada saudável para essas pessoas.

Minha mãe é bem consciente nesse aspecto, mas às vezes extrapola e sofre porque comeu o que não devia ou porque quer comer e não pode.

A gente sempre tenta fazer as coisas com menos açúcar ou, sempre que possível, na versão diet: zero açúcar mesmo. E a dica de hoje é para os que, assim como minha mãe, minhas tias e alguns amigos, não podem ingerir açúcar, mas são merecedores de uma sobremesa saborosa e sem culpa. Para os que estão de dieta em busca de alguns quilos a menos, a dica é ótima também.

Flan de iogurte natural e coco:

Ingredientes
2 potes de iogurte natural*
1 caixa de creme de leite
1 vidro de leite de coco
100 gramas de coco ralado*
1 pacote de gelatina em pó incolor e sem sabor (12 gramas)
3 colheres de sopa de adoçante em pó de uso culinário (eu uso Tal e Qual)

*Leia o rótulo, pois há versões adoçadas

Modo de preparo
Hidrate a gelatina seguindo as instruções do fabricante. Coloque os ingredientes no liquidificador, exceto o coco ralado, e bata por aproximadamente três minutos. Acrescente a gelatina dissolvida e bata mais um pouco. No final, acrescente o coco ralado e misture com o liquidificador desligado.

Coloque em uma forma de pudim molhada para facilitar na hora de desenformar ou em potes individuais. Leve à geladeira até ficar firme.

Dica1: Substitua o leite de coco por leite e a gelatina incolor por uma do sabor de sua preferência.

Dica 2: Para deixar a receita menos calórica, substitua o iogurte pela versão desnatada, o leite comum pelo desnatado e creme de leite pela versão light.

Comentários

Kamila Duarte de Jesus ou simplesmente Nêga, como é chamada pela família e pelos amigos, traz a paixão pelas panelas no DNA. Bisneta de Raimundo Cozinheiro - cozinheiro dos ingleses que vieram para Itabira junto com a Companhia Vale do Rio Doce -, aprendeu a cozinhar ainda criança quando usava um mini fogão a lenha para preparar guisados e batatas para suas bonecas. Formou-se em Publicidade e Propaganda pelo Centro Universitário Newton Paiva por ouvir de todos que era muito criativa. A paixão pela gastronomia passou de brincadeira de criança a assunto de adulto e já atuando profissionalmente na área se formou em Cozinha Profissional pelo Senac – MG em 2014. Acredita que um bom prato de sopa até cura, que doce é um carinho na alma e que cozinhar é uma maneira de demonstrar amor ao próximo.