ESPORTES: Flamengo e Globo, um caso de amor eterno

Muito se fala em tentar melhorar o futebol brasileiro, em conseguir melhor exposição da marca, melhoria financeira, enfim, melhorias em todos os setores. E muito se discute sobre a distribuição das cotas televisivas (atual maior renda dos clubes brasileiros).

E diante de tanto debate sobre esse assunto, a diretoria do Flamengo acertou com a Globo valores para a renovação do contrato de televisão do Brasileiro de 2019 a 2024. Além de luvas maiores, o Flamengo tem garantida a superioridade de ganhos financeiros com a TV Globo, em cláusulas de proteção no contrato que está sendo negociado. Trocando em miúdos: se algum outro clube que ainda negocia, ou entre em negociação, ganhar mais ou igual aos R$ 120 milhões do Flamengo, resultará em um bônus ao time rubro-negro para que se mantenha sempre no posto de número um de recebimento das cotas televisivas. Vale para qualquer um, com exceção do Corinthians, que poderá igualar o total recebido pelo Flamengo.

Com isso, o time carioca receberá, ao final da temporada, sempre mais que os demais. A cláusula foi criada para proteger o clube e a emissora que ainda tenta convencer aqueles que já fecharam com concorrentes. Antes de assinar o contrato, o texto passará por apreciação do Conselho Deliberativo nesta terça-feira. Ao se acertar com a Globo, o Flamengo descarta a proposta feita pelo Esporte Interativo para a TV Fechada do Brasileiro.

Diante disso, peço desculpas pela falta de novidade, e a conclusão que se pode fazer é que a Globo continua sendo Globo e o Flamengo continua sendo beneficiado, talvez com intuito de equiparar a recorrente incompetência em não conseguir fazer um bom time por si próprio. Seria até mais prudente a Globo mudar a palavra você por Flamengo em seu slogan, que é: “A globo está em movimento, para acompanhar a vida, o mundo e você/Flamengo”. Palmas para a emissora.

Comentários

Lucas, Cabelo e até Lucão (juro!). Único filho homem em uma família com duas irmãs que, assim como todo brasileiro, também sonhava em ser jogador de futebol. Tão talentoso que do campo foi para o sofá e do sofá para o teclado. Hobbie? Bola. Seja redonda ou oval, grande ou pequena, com ou sem costura; a emoção é sempre a mesma!