COTIDIANO: Vapt-vupt

Relaxa que hoje não tem textão! Hoje são vários textinhos, rapidinhos, moderninhos, antenadinhos e gostosinhos sobre temas que estão em alta! Tudo no vapt-vupt porque nenhum deles vale se aprofundar!

TEM UM BULBASSAURO NO BANHEIRO

Pokemon Go, o joguinho que virou febre no mundo, foi lançado ontem no Brasil. Pra você que estava vivendo nas montanhas e não leu sobre o jogo na internet esses dias, ele é uma reprodução do famoso desenho japonês em realidade aumentada. Você consegue caçar os bichinhos do jogo em qualquer lugar. Aponte o celular em qualquer direção e um bichinho qualquer pode aparecer! Situações inusitadas já começaram a acontecer graças à grande interação dos jogadores com o jogo. Mesmo que você não jogue, prepare-se para ser inserido involuntariamente nesse universo estranho de pessoas que são assaltadas, atropeladas, sofrem acidentes, batem com cabeças em postes, caem de cara no chão, invadem propriedades privadas e só Deus sabe mais o quê, em prol de capturar cada vez mais personagens do jogo.

NÃO SEI QUEM É BIEL E NÃO TÔ PERDENDO NADA

O pseudocantor teen Biel virou notícia! Seja lá quem ele for e que tipo de música canta, está entre os assuntos mais acessados na internet brasileira nos últimos dias, graças a seus posts desagradáveis em redes sociais. Ataques a negros, pobres, mulheres, gordos e mais uma pá de gente são constância em suas publicações e estão causando, com razão, revolta. O moleque, além de preconceituoso e desrespeitoso é burro, escreve errado e conta piadas sem graça. Definitivamente, não vale esse ibope – mesmo que negativo – todo!

OLIMPÍADAS, PRA QUE TE QUERO?

Sou daquelas que curte assistir as Olimpíadas! Acho legal mesmo… me emociono com as histórias de superação e admiro pra caramba o esforço imenso desses atletas que vivem pra isso. Mas tô com uma vergonha impossível de ser mensurada dos jogos olímpicos do Rio. Os atletas estrangeiros, que estão acomodados nos alojamentos da cidade olímpica, criaram a hashtag “#IOCLuxuryLodging (que quer dizer alguma coisa tipo: “Alojamento de Luxo do Comitê Olímpico Internacional”). Isso porque há apartamentos que não contam com tomadas, chuveiros, pias, cortinas, camas, água, coleta de lixo e, muitas vezes, mal tem espaço suficiente para o atleta e suas malas. Vale lembrar que a construtora responsável pelos prédios está sendo investigada por pagamento de propina na Lava-Jato. E não se esqueçam que os moradores de uma comunidade inteira, a Vila Autódromo, foram expulsos do local onde a cidade olímpica foi erguida.

PELEUMONIA TEM CURA, PRECONCEITO NÃO

A extremamente gentil e simpática médica e cantora mineira Júlia Rocha está passando por maus momentos! Um palhacito que se diz médico, como geral já sabe, tripudiou da forma como pacientes se expressam e divulgou uma foto em que segurava uma receita médica que dizia “Não existe peleumonia e nem raôxis!”. Caiu na net, fudeu! O mocinho foi mandado embora e a internet pegou fogo! Júlia, bem humorada como muita gente sabe que ela é, médica da família, conhecedora do palavreado popular que tanto identifica nosso país, fez um texto fofíssimo reproduzindo muito do que escuta em seu consultório e demonstrando o respeito que uma médica deve ter com seus pacientes. Lacrou a internet! Foi super compartilhada e elogiada! Aí, um outro médico, de Porto Alegre, escroto, pra não usar termo pior, fez uma publicação sobre a Júlia com um teor de ofensas e preconceitos que me recuso a reproduzir aqui. Um babaca! Uma pessoa tão cheia de ódio que chega a assustar! O caso tem dado pano pra manga. E a Júlia não merece passar pela descarga de energia negativa que recebeu vinda desse cara. Em contrapartida, os apoiadores da médica são mais fortes e mais positivos! Há sempre mais amor na balança, né?! Precisamos acreditar nisso!

NO FINAL TUDO ACABA EM SEXO

Menos para a chamada “Geração Y”, esse pessoal que nasceu de 1990 para cá. Saiu uma pesquisa da Universidade Atlântica da Flórida que diz que esses moleques são a geração que menos faz sexo… ganhando apenas do pessoal que nasceu em 1920! Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Fala sério! Foram esse jovens que inventaram a moda de mandar “nudes”. O que mais tem hoje em dia é aplicativo e site para as pessoas flertarem, namorarem, transarem e o que mais quiserem fazer… mas parece que a “Geração Y” tem preferido não colocar a teoria em prática! Azar de quem prefere passar o dia caçando pokemon, não é mesmo? Sorte a minha que sou de 1982!

LEIA OUTROS ARTIGOS DA COLUNA “COTIDIANO”

Comentários

Tatiana Linhares. Muitas. Jornalista. Mineira. Tatuada. Outono e primavera. Pão de queijo. Livros. Música. Revistas. Cinema. Teatro. Futebol. Cruzeiro. Viagens de carro. Areia e mar. Esmalte colorido. Cerveja gelada. Família grande. Incontáveis amores. Paixonites agudas. Saudade. Simplicidade. Palavras