COMUNICAÇÃO E MARKETING: Instagram apresenta nova ferramenta e acirra a disputa entre as redes sociais de imagem

Que o mundo digital é extremamente dinâmico isso já não é nenhuma novidade. Novidades pipocam na rede a todo instante gerando novas experiências de usabilidade para as pessoas. Mas parece que o Instagram está levando isso a um novo patamar. Pouco tempo depois de anunciar mudanças na sua timelineque passou a mostrar as atualizações por relevância e não de maneira cronológica –, o app agora divulga uma nova função para o compartilhamento de imagens e vídeos.

Com o nome de Instragram Stories, o novo recurso permite que os usuários compartilhem momentos do seu dia a dia de uma maneira diferente: as fotos e vídeos podem ser juntados em uma única apresentação formando uma história. A ferramenta ainda permite utilizar textos e desenhos para dar um efeito extra às fotos. Porém, essas histórias são programadas para desaparecer em 24 horas e não aparecem no histórico de imagens do seu perfil.

Por ter um funcionamento diferente da timeline, o Instagram Stories irá aparecer em uma barra específica no topo do feed e, sempre que tiver uma novidade, um anel colorido irá aparecer em torno da foto do perfil. Outra diferença em relação ao feed tradicional é que não se pode fazer comentários ou curtir as fotos do modo história, mas é possível enviar mensagens privadas pelo Instagram Direct.

Mas essas novidades anunciadas pelo Instagram já não são tão novas assim no mercado. O Snapchat, talvez o aplicativo que mais cresce no mercado, já funciona dessa maneira – e ganhou notoriedade justamente pelas inovações apresentadas pelo seu modelo de compartilhamento de imagens. O novo recurso do Instagram não é apenas uma inspiração em seu concorrente, mas, sim, uma cópia de um recurso cuja eficiência e receptividade foram testadas e aprovadas pelo mercado.

Não foi à toa que a equipe do Instagram utilizou essa estratégia. Além de adotar um recurso que caiu nas graças do publico, o app volta seus olhos para a base de usuários do Snapchat que, hoje, já está avaliada em 150 milhões de pessoas. E a estimativa é de que ultrapasse a marca de 300 milhões de usuários até o final do ano – superando, assim, os números do Twitter.

Com isso, o Instagram busca consolidar a sua hegemonia como rede de compartilhamento de fotos e frear os avanços do Snapchat, que já se mostra como uma ameaça para o aplicativo de Mark Zuckerberg. A briga por novos usuários nas redes sociais de imagens chegou a um novo nível, porém, uma disputa que descarta a inovação para dar espaço à reprodução e cópia de recursos.

LEIA OUTROS ARTIGOS DA COLUNA “COMUNICAÇÃO E MARKETING”

Comentários

A profissão é jornalista. A diversão é um livro. Mas também pode ser um filme ou uma série. O esporte é futebol - desde que acompanhado do sofá da sala. O universo digital exerce grande interesse. Não dispensa uma xícara de café ou um copinho de cerveja.