CINEMA: Cinco séries imperdíveis para se ver na Netflix

Sim, eu sei que a coluna se chama “Cinema”, mas nada impede que façamos algumas exceções para falar de outras preciosidades do audiovisual. Há algum tempo as séries caíram no gosto do público, mas, desde que a Netflix se popularizou, cresceu e deu início às suas produções próprias, essa relação foi levada para outro nível.

Separei nesta coluna cinco séries imperdíveis e disponíveis para assistir na Netflix. Um detalhe: todas são produções originais de grande qualidade. Dá um confere aí!

The Crown

Essa produção é baseada na peça teatral britânica “The Audience” e é considerada a série de TV mais cara da história, com um orçamento estimado de US$ 130 milhões. Com dez episódios em sua 1ª temporada, a série conta a história do início do reinado de Elizabeth II. Tem de tudo lá: intrigas pessoais, romances, relacionamento com o poder e as rivalidades políticas que contribuíram para moldar a segunda metade do século XX.

The Get Down

Quando foi lançada, essa era a série mais cara da história, com um orçamento estimado de US$ 120 milhões, porém, foi desbancada pela produção indicada logo aqui em cima. Mais uma vez, tamanho investimento da Netflix foi destinada para uma série histórica. O pano de fundo é a música dos anos 70 em Nova York, mas vai além: é uma crônica sobre o fim da disco music e o surgimento do hip-hop. Além disso, retrata os dramas sociais vividos pelos moradores do Bronx, naquele período.

Black Mirror

Essa série é um exemplo de que a Netflix também sabe revitalizar boas histórias. Black Mirror foi criada e distribuída pela rede televisa britânica, mas durou apenas duas temporadas. Depois de inserir a produção em seu catálogo, a plataforma de streaming decidiu produzir novos episódios e lançou neste ano a terceira temporada totalmente original! A série faz uma reflexão sobre a relação da sociedade com a tecnologia e como isso pode afetá-la. Ela é incômoda, indigesta e bastante impressionante – altamente recomendada!

Master of None

Criada e protagonizada pelo comediante Aziz Ansari, a série tem um tom leve, divertido e retrata os desafios de muitos jovens que estão buscando o seu espaço em meio à todas as dificuldades impostas pela sociedade. A comédia mostra a rotina de Dev, um jovem ator de origem indiana que precisa enfrentar estereótipos, desafios sociais, mercado de trabalho e os diversos relacionamentos – amorosos, familiares e profissionais.

Sense8

Criada, dirigida e produzida pelos irmãos Wachowskis – sim, aqueles mesmos da trilogia Matrix. Sente o peso! –, a série conta a história de oito estranhos que, de repente, passam a compartilhar sensações, pensamentos, experiências e habilidades. Além do teor de ficção científica, a produção ainda destaca temas como a diversidade sexual, de etnias e culturais. Uma excelente história!

CLIQUE AQUI E LEIA OUTROS ARTIGOS DA COLUNA “CINEMA”

Comentários

A profissão é jornalista. A diversão é um livro. Mas também pode ser um filme ou uma série. O esporte é futebol - desde que acompanhado do sofá da sala. O universo digital exerce grande interesse. Não dispensa uma xícara de café ou um copinho de cerveja.