Observatório europeu confirma a existência de um buraco negro na Via Láctea

Uma descoberta científica impressionante vem chamando a atenção: foi confirmada a existência de um imenso buraco negro no centro da nossa Via Láctea. A descoberta e confirmação do fato foi feita por pesquisadores alemãos do Observatório Europeu Austral.

Por meio do uso de um VLT, tipo gigantesco de telescópio muito grande, eles conseguiram observar o buraco negro, batizado de Sagittarius A*. Sua presença na Via Láctea já era especulada, mas apenas agora foi possível confirmar que ele realmente está lá!

E outra descoberta, com ares apocalípticos foi feita, a de que ele está engolindo nossa galaxia. Mas, não há o que temer tão cedo. A atração da Via Láctea ao buraco negro é um processo extremamente lento e estima-se que pode levar milhões e milhões de anos.

Os cientistas destacaram ainda que a descoberta de um buraco negro nem sempre é algo que possa ser visto, efetivamente. Na maior parte das vezes, esse tipo de fenômeno é identificado graças a radiatividade em seu entorno. E é justamente por isso, que essa descoberta é ainda mais impressionante. Os cientistas alemães puderam não só detectar o buraco negro por meio de telescópio, como também identificarão materiais em sua órbita a apenas 30% da velocidade da luz.

O observatório disponibilizou ainda um vídeo com algumas imagens da descoberta. Está aqui, uma possibilidade única para entender um pouco mais sobre o fenômeno que virou alvo de pesquisa de grandes cientistas da atualidade, como Stephen Hawking e Albert Einstein.

LEIA MAIS

Comentários

Tatiana Linhares. Muitas. Jornalista. Mineira. Tatuada. Outono e primavera. Pão de queijo. Livros. Música. Revistas. Cinema. Teatro. Futebol. Cruzeiro. Viagens de carro. Areia e mar. Esmalte colorido. Cerveja gelada. Família grande. Incontáveis amores. Paixonites agudas. Saudade. Simplicidade. Palavras